Imagem

Uma noção do que é eternidade

 1ª PARTE – Introdução

Estamos no III MILÊNIO. O que isto quer dizer?

  •          Examinando os conteúdos dos Livros Universo em Desencanto, é possível depreender que isto significa que  estamos atravessando um longo período evolutivo que diz respeito a toda a Humanidade, a cada um de nós, individualmente.
  •         Vale a advertência de que este III Milênio é decisivo e derradeiro, não haverá mais nenhum outro.
  •        Para cada Ser Humano e, portanto, também para você, ao findar esta travessia necessariamente você deverá estar, de todo, Racionalizado.
  •        Não somente você; e sim, toda a humanidade, hoje ainda classificada como animais de Raça Racional. Uma classe em extinção, envolta num processo cabal de liquidação física, moral e financeira nas esferas: natural, espiritual e artificial.
  •        Cada Milênio, se trata de uma Era composta por 7 (sete) eternidades.
  •        Cada eternidade contabiliza um tempo de transformação neste Galáctico Mundo deformado.

2ª PARTE – Eternidade

  •        Assim sendo, podemos nos dar ao atrevimento de expor que, Eternidade não é, tipicamente,  de um único padrão.  Há distintas tipologias delas, quando expostas ao foco do Conhecimento Cultural Racional dos Livros: Universo em Desencanto.
  •        Tanto assim, que temos as eternidades para contabilizar  a evolução de diferentes setores da existência.
  •        De forma que, temos Eternidades que correspondem ao processo evolutivo cosmogônico, porque  explicam e descrevem a origem e a formação do Universo
  •        Desse ponto de vista, dentro da visão peculiar de compreender os fatos através da Cultura Racional, temos: – a Eternidade tipicamente Cosmogônica, caracterizada por focar sob o mais amplo espectro: a origem e a formação de todo esse Universo da deformação Racional.
  •        Estamos em meio ao transcurso da 21ª dessas Eternidades, enumeradas e descritas (cada uma delas)  em toda a Escritura Básica de Cultura Racional, sendo a 1ª dessas Eternidades aquela em que – quando habitávamos lá em cima no Mundo Racional – começamos a empreender um imprudente progresso, por nossa própria conta (e risco). 
  •        E viemos nos transformando, até que nos transformamos em Seres desconhecedores de si mesmo e ficamos Encantados, porque fomos os iniciantes causadores deste Galáctico Universo da Deformação Racional em transformações. Que se trata do Encanto – um Galáctico Mundo do sofrimento e do pranto derramado por todos os imprudentes Seres que deixaram de ser o que foram e o que eram; e que passaram a ser Seres que nada são.
  •        O curso evolutivo da Cosmogonia, por si só, não preencheria as condições suficientes para reparar todas as perdas que impusemos ao nosso próprio Ser que ficou destituído de sua própria Individualidade, por ter se transformado de Racional para animal da Raça de Racional.
  •        Razão pela qual, o processo evolutivo natural da Natureza desta Global Deformação Racional, em suas transformações, veio adicionando eternidades que correspondessem a outras tipologias de diferente lapidação dos Seres em estado deformado como animal de Raça (ou de origem Racional).
  •        Vamos voltar a esse mesmo assunto, complementando-o em próxima postagem. Melhor não nos alongarmos demais nesta postagem; senão, seus leitores ficarão sujeitos a confusões de interpretação.
  •        Mais adiante, poderemos por em foco Eternidades, em que sua tipologia é de natureza caracteristicamente antropológica, e outras eternidades cujo foco recai sobre a perspectiva evolutiva da antropologia psicológica e sócio cultural essencialmente natural.
  •        E, por último, outra contagem das Eternidades já dentro de outra perspectiva, embora também psicológica, sociológica e cultural; porém, com um agravante, a humanidade optou por viver artificialmente, na contra mão da evolução natural da Natureza. Mas, este assunto abordaremos mais adiante.
  •        Uma saudação Racional a todos, de paz, amor, fraternidade e concórdia mediante o desenvolvimento do raciocínio, obtido no ler, reler e estudar os Livros de Cultura Racional: “UNIVERSO EM DESENCANTO”.

 

 

 

Anúncios

TODOS LAPIDADOS PELO PENSAMENTO E A IMAGINAÇÃO

RACIOCINAR SEMPRE! Pensar nunca.

TODOS LAPIDADOS PELO PENSAMENTO E A IMAGINAÇÃO

https://drive.google.com/open?id=0B_Q1dy73C4FdNVA0ZXFIWFROY1E  (Clique no link para ouvir o áudio)

download1 (1)

Salve!

 

Amigo, procure se conscientizar de que vivemos em um mundo de sofrimento, lapidados pelas energias do pensamento e da imaginação.

Todos sofrem, todos são lapidados por essas duas energias que estão dentro de nossa cabeça.

O pensamento foi feito para desacertar a vida de todos os pensadores, bem como a imaginação.

Todos vivem errados, fazendo o que vem na cabeça para fazerem; primeiro pensam para serem dirigidos para fazer o que o pensamento orientou.

Caiu na armadilha do pensamento, dançou!

Em 1935 a Natureza mudou de fase. Terminou a fase do Segundo Milênio, a fase do pensamento, para entrar a governar a Natureza a Fase do Terceiro Milênio, a fase da ENERGIA RACIONAL, a fase do desenvolvimento do raciocínio, o Certo da Vida de todos.

Pelo fato dos viventes não tomarem conhecimento dessa mudança, continuam ligados na linha falida…

Ver o post original 168 mais palavras